3 de fevereiro de 2012

Toda noite antes do sono chegar, eu começo pensar e me perguntar: ‘’onde será que ela está agora?’’, ‘’será que ela já está dormindo?‘’. Eu sempre penso na hipótese de um dia você estar aqui comigo, na minha cama, dormindo e fazendo caricias em mim. Eu sempre peço a Deus para que um dia você esteja aqui do meu lado, fazendo a normalidade se acabar. Eu bem que queria estar agora mesmo em teus braços. Mas eu sou covarde, não tenho coragem de chegar e falar ‘’Psiu, eu te amo’’. Pois tenho medo da sua reação, da sua resposta. Na verdade eu tenho medo de ser rejeitada e sofrer ainda mais.

Nenhum comentário:

Postar um comentário